Para receber as principais informações do dia pelo WhatsApp entre no grupo do Portal Nosso Dia clicando aqui. Siga o Nosso Dia no InstagramFacebook e Twitter

PUBLICIDADE

Depois de uma aula sobre educação sexual na escola, uma menina de 10 anos resolveu denunciar os abusos praticados pelo padrasto. A Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu o homem de 45 anos, investigado por estupro de vulnerável, após ele se apresentar na unidade policial em Ponta Grossa, nos Campos Gerais, nesta segunda-feira (8).

De acordo com a vítima, os abusos tiveram início em 2023. No entanto, ela somente passou a entender que os gestos do padrasto não se tratavam de carinho após o tema ser abordado em sala de aula em junho deste ano.

A criança detalhou como os eventos aconteciam durante uma escuta especializada realizada no Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítimas de Crimes (Nucria) da PCPR. O fato dela desconhecer que se tratava de violência facilitou a ação do padrasto durante todo o período.

PUBLICIDADE

Com o relato da criança, o homem passou a ser investigado pelo crime e a autoridade policial representou à Justiça por sua prisão. Após se apresentar na unidade policial, ele foi encaminhado ao sistema penitenciário.

"Aproveitamos a oportunidade para ressaltar a importância da orientação sobre abuso sexual às nossas crianças e adolescentes, pois se não fosse a abordagem ocorrida na escola, é possível que até hoje essa criança estivesse sendo vítima", destacou a delegada da PCPR Ana Paula Carvalho.

A PCPR solicita a colaboração da população no combate à violência sexual praticada contra crianças e adolescentes. As denúncias podem ser feitas de forma anônima pelos telefones 197, da PCPR, ou 181, do Disque-Denúncia.